Logo Good Talents v3
ikigai-02

Good Talents

Academia de Alta Performance Profissional

"Lapidar Talentos é nosso Compromisso"

Logo Good Talents v3

Good Talents

Academia de Alta Performance Profissional

"Lapidar Talentos é nosso Compromisso"

ikigai-02

Posicionamento – Quais são as competências profissionais que já estão mais demandadas pelas empresas

competencias-profissionais-01

A evolução tecnológica está influenciando muito rapidamente os processos operacionais, em todos os segmentos do mercado.

Novas necessidades surgem, exigindo novas formas de solução influenciando diretamente os processos já implementados.

Não se trata mais de melhorar o processo apenas, mas criar novos processos operacionais, usando a tecnologia, o que, diga-se de passagem, está sendo muito bem feito em larga escala.

Todos os processos padronizados tendem a ser substituídos por tecnologia. Isto é uma verdade e uma realidade. Não se trata mais se serão ou não substituídos, mas apenas de quando isto vai acontecer.

As atividades profissionais que estejam associadas a processos padronizados e repetitivos tendem a desaparecer, mas, em contrapartida, surgem diariamente novos tipos de trabalho que exigem o emprego de uma capacidade cognitiva mais desenvolvida.

Certo é que a capacitação profissional ainda não está alinhada às demandas de mercado, e por isto é importante que cada um de nós cuide para que se mantenha capacitado de forma a poder oferecer seu conteúdo de forma flexível para as novas necessidades que se apresentem.

Se você quer ser um talento desejado, vai precisar de incorporar as seguintes competências essenciais, como base para uma carreira de sucesso.

  • Autoconhecimento;
  • Auto responsabilidade;
  • Autodirecionamento;
  • Atitude;
  • Autonomia.

A maioria das pesquisas a nível internacional apontam também para as seguintes habilidades como sendo as mais relevantes, tanto nos processos de contratação, como nos processos internos de avaliação de competências e de desempenho:

  • Pensamento crítico / Identificação de Causas e Solução de Problemas;
  • Criatividade / Inovação;
  • Gestão de Talentos – Liderança baseada nos conceitos do Coaching;
  • Inteligência Emocional;
  • Negociação / Gestão de Conflitos;
  • Capacidade de tomada de decisão;
  • Flexibilidade cognitiva receptiva e produtora de processos de mudança.

As empresas tendem cada vez mais a avaliar menos o tipo de FÔRMA de sua origem, mas sim seu conteúdo, sua flexibilidade e a sua capacidade cognitiva.

Pode ser que você ainda não esteja pressionado por estes requerimentos, mas seja prudente e previdente. Procure se capacitar e incorporar estas competências e habilidades o mais cedo possível, pois é apenas uma questão de tempo. Mais cedo ou mais tarde você será avaliado por isto, se é que já não está sendo avaliado e ainda não se percebeu disto.

Sucesso e o que lhe desejo, SEMPRE!

Inscreva-se no meu grupo no Telegram para receber conteúdos exclusivos

Rubens Borges
Rubens Borges

Empresário, Professor de Cursos de Pós-Graduação e MBA, Consultor e Coach Empresarial
Fundador da Íntegra Capacitação Empresarial

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Você também pode se interessar por: